escritas e falares da nossa língua


terça-feira, junho 19, 2007

à toa (Br., Gz. e Pt.)

"à toa" (loc. adverb.) significa "ao acaso", "sem rumo", "sem reflectir", "sem pensar", "à sorte e à morte", "à mercê das circunstâncias", "irreflectidamente", "às cegas".
"eu tava à toa na vida,
o meu amor me chamou
pra ver a banda passar..."
(Chico Buarque)

3 Comments:

  • De onde vem "toa"? De "tola"?e

    By Blogger Calidonia, at 8:43 da manhã  

  • não sei de onde vem a palavra "toa". sei que está relacionada com a tarefa de puxar os barcos para terra com a "toa", ou corda própria para o efeito (cousa que tamém se chama "puxar ou rebocar à sirga"). curiosamente, em inglês, a palavra com o mesmo significado é muito parecida: "tow". mas penso que, sendo essa actividade muito antiga na Galiza, em Portugal e nas Ilhas Britânicas, o mais lógico será admitir uma forma anterior à galego-portuguesa e à inglesa, da qual ambas derivam.
    seja como for, seja um barco puxado ou rebocado por outro barco, ou seja ele puxado ou rebocado à sirga, em terra, deixa de estar sob o controle do seu comandante, o que significa andar ao sabor da vontade dos outros

    By Blogger o viajante, at 5:24 da tarde  

  • Esta expressão também não é desconhecida na Galiza. Embora na minha zona não se utiliza (que eu saiba), tenho-a ouvida na comarca de Compostela, mesmo na forma plural "às toas". Agora mesmo não lembro se o dizem com 'o' aberto ou fechado, intentarei ouvir de novo a expressão.

    By Blogger Galeguzo, at 6:43 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home